Sudoeste Paulista
Entregue a deputados relatório denunciando a situação das obras no trecho Apiaí/Ribeira
Ribeira
Entregue a deputados relatório denunciando a situação das obras no trecho Apiaí/Ribeira
Colaborou: Secom Ribeira
03/02/2018 • 15:04:50
Atualizada:
03/02/2018 • 15:08:22 -

Um relatório textual e fotográfico apontando todos os problemas localizados nas obras realizadas pela empresa Ellenco, no trecho Apiaí/Ribeira (SP-250), Lote 08, foi entregue pelo prefeito de Ribeira, Jonas Dias Batista, aos deputados estaduais Edson Giriboni e Dr. Ulysses, ambos do PV. O documento, executado pelo município, contém informações levantadas pela equipe da Prefeitura Municipal, que apontam problemas ao longo do trecho. De acordo com o texto do documento, as evidências dispostas no levantamento explicitam o descontentamento da população mediante o resultado das obras executadas. Como mostrado pelas imagens anexadas, o investimento total de R$ 91.395.628,95 para a realização da obra, não atende as necessidades do município e tampouco de padrões de qualidade, considerando que, em todo o trecho, há registros de problemas mesmo antes da entrega final do trabalho.

Foi constatado que há problemas como o de drenagem, que ocasiona desmoronamento da rodovia, e também na qualidade do serviço, considerando que, mesmo antes de finalizado/entregue, as canaletas de drenagem, por exemplo, já se encontram danificadas/rachadas em grande parte da rodovia.

A ação do Executivo é endossava pelo Legislativo municipal, que também entende que houve falhas em determinados trechos das obras como na questão de escoamento, cujos bueiros não dão conta de escoar as águas que descem das encostas e acabam criando pontos de alagamentos na estrada – como visto e sentido com as chuvas dos últimos dias de 2017. Em diversos pontos da estrada podem ser encontradas rachaduras e quebras nas canaletas e mesmo a falta delas em locais mais próximos ao município. As escadas de contenção que ficam nos morros cuja função seria a de aliviar o impacto da descida das águas das enxurradas também apresentam problemas, pois foram feitas de modo que causam efeito contrário ao idealizado (construção invertida). Em muitos pontos são encontradas erosões no solo, estufamento de vias, rachaduras e desmoronamentos de encostas. Do mesmo modo, há problemas na entrada dos bairros (cujo acesso é pela SP-250), como falta de rotatória ou refúgio.

Outro ponto específico foi a construção de duas pontes no município: uma no limite entre os municípios de Apiaí e Ribeira, executada fora do eixo da rodovia, criando mais um ponto de curva, o que aumenta risco de acidentes na via. A outra ponte, localizada na entrada do distrito do Saltinho, na altura do KM 346, evidencia a falta de conhecimento prévio do local para a elaboração e execução do projeto, uma vez que não foi considerado o acesso ao distrito, nos dois sentidos (Apiaí-Saltinho). A falha pode ser comprovada com a permanência da antiga ponte - que já estava obsoleta por estar fora dos padrões para comportar o fluxo de autos (por ser via de mão única) -  e teve que continuar operante para atender a demanda do município, considerando que a nova ponte construída não supriu essa carência e já sofre com problemas de erosão nas cabeceiras, e com a estrutura comprometida com rachaduras.

Nas proximidades da entrada da cidade, na altura do 352 km, outro problema, também ocasionado por falhas no sistema de escoamento e drenagem, afetou a passarela que dá acesso da sede ao bairro Vila Ito. Nesse trecho, a empresa elevou o nível da passarela em função de alteração no asfalto, mas não fizeram passagem da água. Assim, com as constantes chuvas do final do ano de 2017, as águas formaram diversos pontos de alagamento na via - impedindo o trânsito de pedestre e veículos - e um trecho da passarela cedeu à erosão do solo e desabou. Importante frisar que por conta de a empresa ter mexido no asfalto, foi preciso intervir na passarela, elevando-a a 40 cm acima do nível do asfalto. No entanto, não foi feita uma readaptação nos bueiros, que ficaram profundos e com ralos estreitos, impedindo o escoamento das águas.

Mais reivindicações - Além desses, outros problemas foram sublinhados no documento, agora em posse dos deputados, que se comprometeram a encaminhá-los às autoridades competentes, a fim de solucionar o problema antes que a empresa entregue a obra do modo como está. Para o prefeito Jonas Dias Batista, essa medida se fez necessária perante a realidade que a estrada se encontra. A obra, reitera, foi muito esperada pela população e, por isso, a municipalidade não poderia fazer vistas grossas à qualidade do que está por ser entregue. “Estamos entrando em todas as estâncias para cobrar que a obra seja revista e os problemas solucionados”, afirmou o prefeito, que realizou a conversa ladeado pelo vice-prefeito Mário Aparecido de Oliveira, o presidente da Câmara Benildo do Nascimento e demais vereadores presentes.

As autoridades locais presente ao evento aproveitaram a visita para solicitar também melhorias na estrada vicinal Dirceu Dias Batista (RB-01), que liga Ribeira à Itapirapuã, e também ouviram que ambos irão levar as reivindicações às instâncias competentes.





















































Veja também ...

Torneio regional de Futsal Feminino é grande incentivos às meninas esportistas da região

O Ginásio de Esportes Zito Marvulo, em Manduri recebeu no transcorrer de todo o dia 29 de abril um bel&ia...

Quadrilha explode caixas em bancos de Arandu e atira ao alto para intimidar moradores

Bandidos atacaram fortemente armados e com explosivos na madrugada desta sexta-feira (11), o Banco do Brasil e o...

Circuito Turístico dos Cânions é um projeto para desenvolver o turismo da região

Com o objetivo de fortalecer e potencializar o turismo da região, o prefeito de Itararé, Heliton d...

Com o envolvimento dos programas sociais de Itaberá, Fundo Social promove a Campanha do Agasalho 2018

Escolas Estaduais de Itaberá, estiveram participando das atividades de abertura da Campanha do Agasalho 2...

Confira os postos de arrecadação da Campanha do Agasalho 2018

Lançada em 23 de março, a Campanha do Agasalho é uma iniciativa do Fundo Social de Solidari...

Polícia divulga informações preliminares do roubo no banco do Brasil de Arandu

A Polícia Civil através da Seccional de Avaré, divulgou informações sobre o r...

Secretaria da Educação se manifesta sobre  agressão à Professora em escola de Avaré

Depois que um problema entre mãe de aluno e professora da rede municipal de ensino de Avaré, viral...

Alunos das escolas Leôncio e Maria Tereza, em Itaberá, participam de oficina de cinema

No dia 08 de maio, aconteceu mais uma oficina cultural do programa MIS (Museu da Imagem e do Som), em parceria c...

Curso de Turismo Receptivo tem 40 vagas em Capão Bonito

O setor de turismo tem um dos maiores potenciais de geração de emprego em Capão Bonito, pri...

A volta dos trens de passageiros no Sudoeste Paulista: ativista avareense publica artigo sobre o assunto

No mês de março último, aconteceram palestras na Câmara Municipal de Avaré, ond...

Sudoeste Paulista
Sudoeste Paulista    •    Nossa Missão é Integrar a Região    •    Todos os Direitos Reservados